terça-feira, 24 de setembro de 2013

Poema: Devaneios


Campo de trigo com corvos (Van Gogh)
Escrevo para aquietar a alma
escrevo pra camuflar a covardia 
e escondê-la entre versos
reversos.
Escrevo mesmo prometendo não fazer mais aquilo
aquilo de te usar
como matéria prima dos meus devaneios.
me desculpe,
eu fiz de novo.
Ei garoto sonhador
de sorriso largo
e espírito aventureiro
só queria que o mundo te enxergasse como te enxergo
te acalentasse
e abraçasse o que tens a dizer.
Ei menino dos olhos brilhantes
há alguém capaz de entender suas loucuras
de provar suas doçuras
e fazer da desesperança coisa do passado.
Não que...
Mas é...
Talvez seja.
Por isso sussurro entre um verso e outro
que estarei sempre aqui
caso decida olhar com um pouco mais de carinho
para essa possibilidade.
Aqui, entre um verso e outro
na esquina de duas estrofes, 
onde o sonho debocha da realidade
e usa-se a tristeza para fazer rima
Se anima!
Aqui esperando você
para colocar um título nesta história
e botar ordem na vida
ou
quem
sabe
bagunçar tudo de vez.

10 comentários:

  1. "...Escrevo para aquietar a alma
    escrevo pra camuflar a covardia
    e escondê-la entre versos
    reversos..." Exatamente isso. Para que se escreve cronicas, poemas que tocam a quem lê se não para isso? Se não tivessem essa força esse tom, não tocariam a ninguém. Fui tocada, amei.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa muito obrigado Angela, espero continuar tocando-a. Beijo.

      Excluir
  2. parabéns Paulo, gostei muito do blog, também adoro escrever poemas e poesias.

    Seguindo aqui, se puder retribuir.

    José Agenor
    http://www.blogdojoseagenor.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá José, poxa muito obrigado. Também visitei seu blog e gostei bastante. Estou seguindo de volta, abraço.

      Excluir
  3. Muito profundo, Paulo.
    Bem chamativo.
    Sou escritor de poesias. Estou realizando o book tour do meu livro. Caso queira participar, se inscreva em O mundo sob o meu olhar. Mas corra, as inscrições vão até domingo.

    ResponderExcluir
  4. Esse poema é incrível, adorei o blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa Igor fico feliz que tenha gostado, muito obrigado :D

      Excluir
  5. Amei o seu blogger. Está de parabens.ja estou seguindo se puder seguir o meu tb agradeço. Aqui está o link: http://connhecajesus.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado, pode deixar que visitarei seu blog sim. Beijo =)

      Excluir